O que é a cerimónia de casamento de Scientology?

O QUE É A CERIMÓNIA DE CASAMENTO DE SCIENTOLOGY?

O matrimónio é uma cerimónia religiosa e santa de praticamente todas as religiões e culturas. O compromisso sagrado do casamento forma a base de uma família estável, uma pedra angular fundamental de qualquer sociedade. Assim, os juramentos feitos pela noiva e pelo noivo constroem o alicerce, não só da sua própria união, mas contribuem para o alicerce da comunidade como um todo.

Os Scientologists reconhecem o casamento como uma parte da Segunda Dinâmica (das Oito Dinâmicas da existência). A Segunda Dinâmica inclui o sexo, a procriação e a educação dos filhos.

Os casamentos são consagrados na religião de Scientology usando uma das diferentes e várias cerimónias, que oferecem variados graus de formalidade. Cada uma destas cerimónias inclui os tradicionais juramentos de lealdade e devoção. Leia uma das cerimónias de casamento de Scientology.

As cerimónias de casamento de Scientology são realizadas com um protocolo semelhante aos casamentos noutras igrejas, com o cortejo dos noivos, o tradicional papel do pai da noiva, padrinho, madrinha e os tradicionais lugares das respectivas famílias e amigos. 

Acima de tudo, no entanto, os casamentos de Scientology são celebrações alegres desta nova união.

Scientology contém ferramentas práticas que podem ajudar qualquer casamento ou relacionamento. A cerimónia de casamento de Scientology destaca–se muito dos fatores que podem garantir um bom relacionamento. Esses fatores são Afinidade, Realidade e Comunicação, os componentes da Compreensão. Este é um princípio fundamental de Scientology.

O conceito do ARC é representado por um triângulo. Os Scientologists referem–se–lhe como o Triângulo de ARC (pronuncia–se “Triângulo de A–R–C”). O primeiro vértice do triângulo chama–se afinidade. A palavra é usada aqui para significar “amor, gostar ou qualquer outra atitude emocional”.

O segundo vértice é chamado de realidade. Poderíamos definir a realidade como “aquilo que parece ser”. Esta é essencialmente acordo. Nós concordamos uns com os outros, quanto ao que é e o que não é real.

O terceiro vértice é a comunicação. Ao compreender a composição das relações humanas, a comunicação é mais importante do que a afinidade ou a realidade.

Estes três vértices do triângulo inter–relacionam–se pelo que você não pode aumentar ou diminuir um vértice, sem afectar os outros. Ou seja, se não houver um elevado grau de afeição e se não houver alguma base de acordo, não há comunicação. Sem comunicação e alguma base de resposta emocional, não pode haver realidade. Sem alguma base para o acordo e comunicação, não pode haver afinidade.

Considerados em conjunto, a afinidade, realidade e comunicação são os componentes da compreensão.

Isso pode ser imediatamente visto como sendo vital para uma relação íntima como um casamento. Se um casal mantém um alto nível de comunicação e afinidade um com o outro, eles melhoram a existência do seu casamento (ou seja, a sua realidade). Se eles saem de comunicação e não partilham mais acordos comuns, os seus sentimentos um pelo outro vão diminuir e, finalmente, não haverá casamento.

Os princípios fundamentais de Scientology como estes fornecem ao casal informações práticas para ajudá–los num relacionamento bem–sucedido.