Afinidade, Realidade e Comunicação (ARC)

OS COMPONENTES DA COMPREENSÃO

AFINIDADE, REALIDADE E COMUNICAÇÃO (ARC)

Outra ferramenta de considerável importância em Scientology e que ajuda muito nas relações interpessoais é o princípio de afinidade, realidade e comunicação. Estes três factores interdependentes podem ser expressos num triângulo.

O primeiro vértice do triângulo é a afinidade, que é o grau de simpatia ou afecto ou a falta destes. É o sentimento de amor ou simpatia por algo ou alguém.

O segundo vértice do Triângulo de ARC é chamado realidade, que poderia ser definido como “aquilo que aparenta ser”. A realidade é fundamentalmente acordo. Aquilo que acordamos ser real é real.

O terceiro vértice do triângulo é a comunicação, definido como o intercâmbio de ideias ou objectos entre duas pessoas. Nas relações humanas neste universo, a comunicação tem mais importância do que os outros dois vértices do triângulo.

A inter-relação do triângulo torna-se imediatamente aparente quando se pergunta: “Já alguma vez tentou falar com um homem zangado?” Se não houver um elevado grau de afeição e se não houver alguma base de acordo, não há comunicação. Sem comunicação e alguma base de resposta emocional, não pode haver realidade. Sem alguma base para acordo e comunicação não pode haver afinidade.

Assim sendo, estas três coisas formam um triângulo. A menos que tenhamos dois vértices de um triângulo, não pode existir um terceiro vértice. Ao desejar qualquer vértice do triângulo, a pessoa tem de incluir os outros dois.