Práticas de Scientology: Introdução

INTRODUÇÃO
ÀS PRÁTICAS DE SCIENTOLOGY

Dentro da vasta quantidade de dados que compõe as crenças e práticas religiosas de Scientology há muitos princípios que, quando aprendidos, dão a uma pessoa uma visão nova e mais ampla da vida. Ao conhecer a Escala de Tom, por exemplo, uma pessoa pode ver a melhor forma de lidar com uma criança mal-humorada, acalmar um amigo transtornado ou fazer-se entender a um empregado sério. Estes princípios resultam numa enorme área de observação nas humanidades. É um corpo de conhecimento para a aprendizagem. Não há nada de autoritário nela. É importante apenas como um corpo de conhecimento.

A realização extraordinária de Dianética e Scientology tem sido o desenvolvimento de métodos precisos e exatos para aumentar a consciência espiritual do homem e das suas capacidades. Outros esforços ao longo desta linha forneceram unicamente resultados de maneira esporádica ou temporária, se é que houve algum. Ao usar Scientology, o melhoramento da vida pode ser obtido quando aplicada de forma exata.

A importância da aplicação em Scientology vem do fato de que, como parte da religião, L. Ron Hubbard desenvolveu uma tecnologia real que permite a utilização das suas descobertas para se melhorar a si mesmo e aos outros. Por tecnologia quer-se dizer os métodos de aplicação dos princípios de alguma coisa, em oposição ao mero conhecimento dessa coisa.

Em todo este site o termo tecnologia é usado em relação à aplicação dos princípios de Scientology. Muitas tecnologias existem hoje: tecnologias para construir pontes e tecnologias para disparar foguetes para o espaço. Mas com o trabalho de L. Ron Hubbard, pela primeira vez existe uma tecnologia comprovada e funcional para melhorar as funções da mente e reabilitar as potencialidades do espírito. Isto é audição.