O Congresso da Unificação

O CONGRESSO DA UNIFICAÇÃO
Communication! Freedom & Ability

O Congresso histórico, anunciando a reunificação dos assuntos de Dianética e Scientology com o lançamento de Dianética 55! Até agora, cada tema operara na sua própria esfera: Dianética dirigia-se ao Homem como Homem – as quatro primeiras dinâmicas – enquanto que Scientology dirigia-se à própria vida – da Quinta à Oitava dinâmicas. A fórmula, que viria a servir como o alicerce para todo o desenvolvimento futuro, estava contida numa única palavra: Comunicação. Foi uma descoberta de extrema importância à qual L. Ron Hubbard mais tarde chamaria “a grande descoberta de Dianética e Scientology”. Aqui estão então, as palestras, tal como tudo aconteceu.

Leia Mais

adquira
270€
Quantidade
Língua
Envio Gratuito Atualmente elegível para envio gratuito.
Em Stock
Envio dentro de 24 horas
Formato:
CD
Conferências:
16

MAIS SOBRE O CONGRESSO DA UNIFICAÇÃO

Vamos descobrir quão capaz um indivíduo se pode tornar, e quão livre ele pode ser. E se descobrirmos isto, descobriremos imediatamente porque é que a pesquisa e investigação no campo da Dianética e Scientology vão continuar a expandir – porque a direção da capacidade é a única direção que essa pesquisa alguma vez teve. Quanto mais capaz conseguirmos tornar uma pessoa, mais livre ela será. Em quantas mais dinâmicas ele estiver a sobreviver, mais beingness ele será. E assim, somos capazes se insistirmos em procurar a capacidade. – L. Ron Hubbard

No Outono de 1954, espalhou-se a notícia de que L. Ron Hubbard iria dirigir-se a um Congresso único, patrocinado pela Fundação Hubbard de Pesquisa de Dianética e a Associação Hubbard de Scientologists Internacional. O patrocínio conjunto foi significativo pois sinalizava a reunificação de Dianética e Scientology, tanto física como filosoficamente.

Antes disto, cada um dos assuntos tinha operado de forma independente. Dianética dirigia-se ao Homem nas primeiras quatro dinâmicas, enquanto Scientology tratava de toda a vida – abarcando desde a Quinta até à Oitava Dinâmica.

Com a transferência da Fundação Hubbard de Pesquisa de Dianética original de Elizabeth, Nova Jérsia, para Phoenix, a localização da HASI, Ron comprometeu-se a responder completamente a duas perguntas, levando em conta tudo o que tinha acontecido desde 1950: “O que é Dianética?” e “O que é Scientology?”

E assim, no dia 28 de Dezembro de 1954, uma assistência máxima reuniu-se em Phoenix, Arizona, para o Congresso da Unificação. Este foi descrito pelo Jornal de Scientology como “a coisa mais importante que alguma vez aconteceu nos eventos de Dianética e Scientology”, e as palavras foram adequadas.

Pois o Sr. Hubbard começou com o lançamento de um novo livro, Dianética 55! Aqui estava a redefinição e alinhamento completos de Dianética e Scientology, integrando quatro anos de descobertas num todo coeso. Questões cruciais sobre a natureza do Homem e da Vida, que foram colocadas originalmente no final do Livro Um, foram agora respondidas em Scientology com o isolamento do espírito humano e o facto da exteriorização. Isto, por sua vez, lançou uma nova luz sobre a verdadeira natureza e a fonte dos engramas, a aberração e a mente reativa, voltando deste modo ao ponto de partida. Portanto, L. Ron Hubbard designou este novo texto como o “Segundo Livro de Dianética”.

Daí em diante, ambos os assuntos iriam avançar a par um do outro. E exatamente para esse fim, ele revelou o próximo passo: um avanço inovador que não só iria revolucionar a audição mas também as relações humanas como um todo. Essa descoberta foi a anteriormente desconhecida Fórmula de Comunicação – princípios exatos que definiam, pela primeira vez, a comunicação perfeita.

Nestas conferências, Sr. Hubbard não só definiu a aplicação da Fórmula de Comunicação em sessão, mas também em relação à comunicação do indivíduo com outros, com ele mesmo, com o seu corpo e o universo físico. Essas descobertas abarcaram e clarificaram desta forma a mecânica dos jogos e das armadilhas; porque é que o universo físico persiste e até mesmo porque é que um ser tem uma mente reativa.

Essas conferências foram tão importantes que as gravações percorreram extensivamente as organizações a um nível internacional para oferecer a todos os Dianeticistas e Scientologists a tecnologia que L. Ron Hubbard iria mais tarde referir como a grande descoberta de Dianética e Scientology. Pois a magia do Ciclo de Comunicação, revelada neste congresso, é o fundamento da audição e a principal razão porque esta funciona.

Aqui estão, então, os avanços inovadores sobre a comunicação, subjacentes a toda a vida.