Congresso de Sucesso no Clearing

CONGRESSO DE SUCESSO NO CLEARING

Como um final adequado para os Congressos de Scientology, o último dado por L. Ron Hubbard veio diretamente do nível superior. Foi a inovação que conduziria ao desenvolvimento do Curso de Clearing, a Carta de Graus e o Organigrama. Foi uma descoberta tão abrangente, e tão fundamental – por ser o Propósito Básico. Como ele revela: “Cada engrama que explorámos, cada bocado de massa negra, cada ridge, cada fogo de chama branca, toda a coisa que entrou na mente, surge devido a uma mudança ou alteração no Propósito Básico de uma pessoa.” E isso é apenas o começo daquilo que o Sr. Hubbard descobriu, pois quando ouvir a sua conferência, O Propósito Básico, terá uma compreensão completamente nova do que realmente significa: “Conhece-te a Ti Mesmo.” No entanto, para além de tudo o que esta descoberta estava a gerar em termos de Clearing mais rápido e em maiores números, houve outra razão para este ser chamado Congresso de Sucesso no Clearing. Porque se alguma vez se interrogou sobre como é que tudo isto se encaixa – a tecnologia, as organizações, a força combinada de Scientologists, as respostas estão todas aqui. Desde a conferência sobre o papel fulcral das Organizações de Scientology em conduzir o aclaramento planetário, As Vossas Organizações de Scientology e o que Elas Fazem por Vocês, até ao seu programa exato sobre como tornar isso uma realidade em O Aclaramento Mundial e Vocês. Aqui está então, o Congresso final de L. Ron Hubbard e o mapa do caminho para um Planeta Aclarado.

Leia Mais

adquira
130€
Quantidade
Língua
Envio Gratuito Atualmente elegível para envio gratuito.
Em Stock
Envio dentro de 24 horas
Formato:
CD
Conferências:
8

MAIS SOBRE CONGRESSO DE SUCESSO NO CLEARING

Todas estas coisas são pertinentes. As organizações são um assunto tedioso. A administração é um assunto tedioso. As linhas de comunicação têm, aparentemente, muito pouco a ver com o facto de vocês chegarem ou não a Clear. Mas da minha posição, eu estaria continuamente tão emaranhado com tudo o resto, que nós nunca levaríamos a tarefa a cabo se estas coisas não existissem. Assim, para mim, elas parecem-me muito importantes. E para vocês deveria ser importante que a tecnologia, depois de desenvolvida, chegasse e permanecesse num estado puro e decente e que fosse aplicável e aproveitável. E essa é a única coisa que estamos a tentar fazer. – L. Ron Hubbard

Como um final adequado para os Congressos de Scientology, o último dado por L. Ron Hubbard veio diretamente do nível superior.

O tema foi o Aclaramento Planetário. O princípio subjacente era o propósito básico. E dentro da sua sala de pesquisa em Saint Hill, o Sr. Hubbard estava a fazer avanços espetaculares. Especificamente, ele tinha estado a impulsionar casos até Clear com um fator inovador subjacente à aberração:

“Cada engrama que explorámos, cada bocado de massa negra, cada ridge, cada fogo de chama branca, toda a coisa que entrou na mente, surge devido a uma mudança ou alteração no propósito básico de uma pessoa.”

E com processos de precisão e procedimentos exatos baseados precisamente nesse princípio, ele estava a despedaçar casos e a instruir intensivamente os estudantes do Curso de Instrução Especial de Saint Hill nos pormenores.

No entanto, por muito milagrosa que fosse essa tecnologia, com uma população planetária da ordem dos milhares de milhões, o Aclaramento Planetário através de “duas cadeiras de audição para cada sessão simultaneamente” iria requerer o próximo bilião de anos. Era necessário algo mais. E aí está a história principal daquilo que a descoberta do propósito básico pelo Sr. Hubbard então gerou em termos de doingness.

Embora ainda a decorrer, o Curso de Instrução Especial já abarcava 209 conferências. Mais ainda, ele tinha não só elevado a perícia do auditor para níveis nunca antes sonhados, mas também tinha desenvolvido novos métodos de treino que agora podiam ser usados em todas as organizações para as suas próprias zonas de treino.

Por outro lado, o padrão pelo qual Scientology continuaria a expandir daí em diante era agora evidente. Pois com auditores peritos agora a ser treinados, eles poderiam ser pontos estáveis para a fazer avançar ainda mais. Tudo isto resultado da evidência do que aconteceu quando o propósito básico foi restaurado – como num Clear – e os efeitos que eles criavam em qualquer nova área, apenas por serem Clear. Tudo isto revelou como um auditor podia aclarar áreas geográficas inteiras. Aqui estava a matemática do que significava “Aclarar o Planeta” reduzida às suas realidades:

“Isto resulta numa progressão aritmética, porque assim que algumas destas pessoas estivessem suficientemente avançadas e se tornassem Clears, iriam encontrar uma certa quantidade dessas pessoas a avançar rapidamente para o treino profissional – não conseguiriam impedi-las – e a avançar em frente até ao fim e a formar os seus próprios grupos.”

Foi então que o Sr. Hubbard embarcou no Queen Elizabeth com destino a Nova Iorque a caminho de Washington, DC. No que diz respeito aos pormenores, o local foi o Hotel Mayflower e, apropriadamente, a maior audiência de sempre. E embora muitos dos Congressos anteriores tivessem tido as suas próprias exibições, este até incluiu uma oferta para encontrar o Objetivo de alguém – um nome escolhido ao acaso – no final do Congresso. Tudo isso explicava a audição intensiva entre conferências – porque, sim, eles de facto encontraram esse objetivo. E finalmente, quanto à atmosfera de entusiasmo, uma demonstração sensacional de um GPM, para não mencionar os tambores ao vivo do veterano Louie Belucci – durante as conferências!

Se tudo isto tinha um ar de celebração, havia boas razões para isso. Porque aqui estava a importância crucial de revitalizar um indivíduo, um grupo ou um planeta, e desta forma colocar nações inteiras no Caminho para a Liberdade.

Mais ainda, para pavimentar esse caminho em pedra, ele entregou a sua conferência histórica sobre o papel essencial das Organizações de Scientology, a fundação estável que conduz o aclaramento planetário: “As Vossas Organizações de Scientology e o Que Elas Fazem por Vocês.”

Então, sim – com o propósito básico, o último Congresso de L. Ron Hubbard causou realmente o começo de um novo mundo. Porque enquanto ele continuou a dar o Curso de Instrução Especial de Saint Hill, e no espaço de apenas três anos:

  • Ele reduziu esses propósitos e contrapropósitos à sua essência – o Curso de Clearing – para que atualmente a pessoa apenas tenha de seguir o seu mapa.
  • Por outro lado, ele completou o desenvolvimento e lançamento da Ponte – A Carta de Classificação e Gradação de Níveis e Certificados – e ali está ele, em Clear: Propósito.
  • E, finalmente, ele alinhou todos os propósitos. Porque, em simultâneo com o desenvolvimento e lançamento da Carta de Graus para a liberdade pessoal, ele também desenvolveu e lançou o Organigrama como a carta de Terceira Dinâmica para a levar em frente.

Momento em que, tudo o que restava era o futuro. E daquilo de que este depende, apenas ficava o que ele expressou nas suas palavras de despedida:

“Nós, os Scientologists, temos que nos manter unidos.”

E, neste Congresso final, ele disse-nos como fazer precisamente isso.