9.º ACC Americano

9.º ACC AMERICANO
Communication—The Solution To Entrapment

“Será um grande choque para os Dianeticistas descobrirem que, apesar de termos um Segundo Livro sobre Dianética, este é totalmente dedicado à exteriorização. Este será um grande choque. Mas isso seria principalmente porque eles nunca leram o Primeiro Livro.” Ao falar de Dianética 55! L. Ron Hubbard abriu o preeminente ACC sobre comunicação. Tendo lançado do ponto de partida da exteriorização (Scientology 8-8008 e o Curso do Doutorado de Filadélfia) a pesquisa fora concentrada em todos os auditores atingirem aquele objetivo com todos os casos. O primeiro palco foi Procedimento Intensivo, a codificação dos processos mais funcionais nas mãos dos auditores, lançado como o Manual do Auditor e depois, expandido grandemente, como A Criação da Capacidade Humana. E agora a Fórmula de Comunicação providenciava a descoberta a uma aplicação ainda maior e, com isso, os meios para unificar Dianética e Scientology. Programando um Congresso, o Sr. Hubbard entregou imediatamente o 9.º ACC Americano para ensinar aos auditores a aplicação de Dianética 55! para fazer Clears. O 9.º ACC permanece como a declaração consumada da comunicação, dirigindo-se a todos os detalhes do tema em profundidade. A culminar uma era de desenvolvimento que se iniciou com o 1.º ACC aqui temos um estudo profundo e profissional do componente crucial que regularia toda a audição no futuro. Leia Mais

adquira
480€
Quantidade
Língua
Envio Gratuito Atualmente elegível para envio gratuito.
Em Stock
Envio dentro de 24 horas
Formato:
CD
Conferências:
34

MAIS SOBRE 9.º ACC AMERICANO

Dianética 1955! é diretamente dedicada à criação do Clear, sem mais nenhum desvio. E é sobre isso que trata este livro. E antes de terminarem com esta Unidade, vão ter uma cópia deste livro nas vossas mãos. – L. Ron Hubbard

Era dia 6 de Dezembro de 1954. O local era Phoenix, Arizona. E com aquelas palavras, L. Ron Hubbard começou o que se iria tornar o preeminente ACC sobre o assunto de Comunicação, a sua aplicação à exteriorização e à produção de Clears.

Facto: Este não era apenas outro Curso Clínico Avançado, mas sim o culminar de toda uma era de desenvolvimento que começou com o 1.º ACC e agora abrangia o componente crucial que iria regular toda a audição no futuro. Tendo partido do ponto de vista da exteriorização (Scientology 8-8008 e o Curso de Doutorado de Filadélfia), a linha de investigação do Sr. Hubbard tinha sido orientada para dois objetivos distintos:

  • A obtenção da exteriorização e a transposição de barreiras para a sua realização por todos os seres.
  • Não apenas o desenvolvimento de processos para esse fim mas, mais importante, processos que outros auditores para além do Sr. Hubbard pudessem aplicar com sucesso.

E isso foi um ponto-chave. Porque L. Ron Hubbard tinha reparado há muito que o que ele podia conseguir em audição não condizia necessariamente com o que outros auditores eram capazes de conseguir. Se eles deviam ter sido capazes de atingir os mesmos resultados que ele pouco lhe interessava. O aclaramento planetário requeria mais do que um auditor. E por isso a intensidade da sua pesquisa, quer treinando auditores, quer desenvolvendo processos que eles pudessem aplicar, era tão importante, em tudo, como pesquisar a beingness e capacidades do próprio Homem.

O primeiro patamar foi alcançado com o 7.° Curso Clínico Avançado e a codificação de todos esses processos que ele agora verificou serem funcionais nas mãos de outros auditores. Primeiro publicando estes materiais como Procedimento Intensivo e depois como o Manual do Auditor, o Sr. Hubbard tinha agora expandido o seu texto para o totalmente abrangente, A Criação da Capacidade Humana. Então, para acompanhar o livro, ele escolheu com rigor palestras específicas dos Cursos Clínicos Avançados que tinham relação com o estudo do livro. Publicando-as como as Conferências do Curso Profissional (e mais tarde sob o título abrangente de As Conferências de Phoenix), L. Ron Hubbard agora tinha o currículo abrangendo o Treino de Auditor Profissional básico.

A seguir, para tratar da sua disseminação e aplicação, o Sr. Hubbard conduziu e supervisionou o 8.º Curso Clínico Avançado, abrangendo um estudo completo sobre A Criação da Capacidade Humana, as Conferências de Phoenix e palestras posteriores que, ponto por ponto, especificavam a aplicação de todas as técnicas e procedimentos.

Contudo, o seu trabalho não estava terminado. Porque embora tivesse codificado a rota que era Scientology, ele também tinha a ligação para aplicações ainda maiores para todos os casos desde completamente no fundo até mesmo ao cimo. Mais especificamente, ao passo que o objetivo podia agora ser resumido numa única palavra – Exteriorização – outra palavra era o fator singular de importância na sua obtenção: Comunicação.

Então foi assim que, enquanto conduzia o 8.° Curso Clínico Avançado, o Sr. Hubbard tinha estado simultaneamente a escrever outro livro. A esse respeito, até mesmo o título lhe dava grande significado. Porque tendo avançado o tema de Dianética para Scientology, nos dois anos anteriores (de 1952 até 1954) tinha-se dirigido apenas a este último tema. Contudo, com o avanço importante da comunicação, ele dispunha agora do elo crucial para unificar os dois temas – Dianética e Scientology – num todo combinado. E aí estava o conteúdo do marco Dianética 55!

Foi agendado um Congresso para divulgação geral destas descobertas e enviados convites para todo o mundo, tanto para Dianeticistas como para Scientologists. Entretanto, e como preparação, L. Ron Hubbard imediatamente convocou o 9.º ACC para ensinar aos Auditores Profissionais as perícias e processos do livro Dianética 55! que agora estava a ser impresso.

Aqui está, então, o 9.° Curso Clínico Avançado Americano – um estudo profissional profundo de Dianética 55! E onde, através de trinta e quatro palestras, o Sr. Hubbard alarga e demonstra a sua teoria subjacente, fórmulas e processos com ênfase na aplicação por parte dos auditores.

Aqui está, também, L. Ron Hubbard a especificar as mecânicas da comunicação, a Fórmula de Comunicação na íntegra e o seu uso como um processo em Processo de Comunicação.

Aqui está, finalmente, o Sr. Hubbard a instruir sobre os Seis Processos Básicos – desde a sua própria natureza (tirado de Definições e Axiomas de Dianética e Scientology) até demonstrações de audição de cada um: Comunicação de Duas-vias, Linha Direta Elementar, Procedimento de Abertura de 8-C, Procedimento de Abertura por Duplicação, Remédio de Havingness e Localizar Pontos no Espaço.

Isso e muito mais, incluindo:

  • Três palestras inteiras fornecendo um glossário de termos – não apenas dando as definições, mas o seu passado e teoria e até mesmo processamento e exercícios sobre a sua aplicação;
  • A importância da linguagem, os seus efeitos aberrativos nos preclears e como as palavras são de facto um jogo;
  • A definição dos Axiomas como “considerações acordadas”, tratando em profundidade as leis da consideração e a sua aplicação na comunicação e na capacidade de um thetan;
  • Processamento de Duplicação Perfeita, incluindo os exercícios de estudante sobre como fazer uma duplicação perfeita e, assim, a própria aplicação dos Axiomas e como fazer “As-is”.

Como prova do patamar estável de desenvolvimento técnico, L. Ron Hubbard não entregaria outro Curso Clínico Avançado durante doze meses. Porque agora era altura de pôr estas descobertas marcantes em prática. E quando ele depois se encontrou com auditores estudantes, foi verdadeiramente uma coisa nova. Porque evidenciando onde a sua linha de pesquisa e desenvolvimento o tinha levado, ele tinha agora formado a Igreja Fundadora de Scientology em Washington, DC.