Comunidade Diversa Saúda Novo Centro de Melhoramento da Vida em Joanesburgo

COMUNIDADE DIVERSA SAÚDA NOVO
CENTRO DE MELHORAMENTO DA VIDA EM JOANESBURGO

A música africana tradicional marcou a inauguração de um novo Centro de Melhoramento da Vida de Scientology no dia 26 de março de 2010, quando 1000 estudantes universitários, líderes comunitários e governamentais, artistas e Scientologists locais lotaram a Rua da Estação, em Joanesburgo para a dedicação.

Líderes cívicos e do governo dirigiram-se à multidão de milhares, saudando o novo Centro de Melhoramento da Vida de Scientology do bairro de Braamfontein em Joanesburgo.

O Centro está localizado perto da Universidade de Witswatersrand (WITS) no distrito de Braamfontein da cidade, e por isso serve a uma comunidade rica em diversidade, cujo objectivo comum é expresso no lema do bairro: “O lugar onde as pessoas se elevam à grandeza.” Como mestre de cerimónias, o diretor do Centro, Edmund Dladlu, comprometeu–se a trabalhar com a comunidade para fazer deste lema uma realidade.

Os convidados especiais reflectiram a diversidade da área incluíram o Comandante Eddie Mboweni da Polícia do Hillbrow Precinct, que falou da parceria entre os seus oficiais e da Igreja no combate às drogas e das campanhas de educação sobre os direitos humanos. “O Centro está bem colocado aqui e desejamos trabalhar juntos com a Igreja em relação a programas que irão ajudar na luta contra o crime e melhorar a qualidade de vida para os cidadãos desta área.”

O Scientologist e produtor musical Robin Hogarth descreveu como é que Scientology o ajudou no seu trabalho para levar a música da África do Sul a uma audiência mais vasta, incluindo a produção de Blessed (Abençoado) e African Spirit (Espírito Africano) com o Soweto Gospel Choir (Coro Gospel do Soweto), ambos os quais ganharam Prémios Grammy para Melhor Álbum de Música Tradicional do Mundo, em 2007 e 2008, respectivamente. “Isto é para vós”, disse Hogarth. “É para todos os pintores, reis, poetas, trabalhadores, estudantes, músicos, marido e mulher. Para Braamfontein, para Joanesburgo, na África do Sul e só para a África. E essa é a razão por que estou tão orgulhoso de estar aqui nesta ocasião. Este Centro de Melhoramento da Vida abre as portas para um novo futuro, uma vida mais brilhante, um Renascimento Africano.”

Depois do corte da fita, os participantes visitaram as exibições interativas do Centro de Melhoramento da Vida que apresentam os princípios de Dianética e Scientology e a sua aplicação à vida. O Centro providencia cursos práticos que abordam uma grande variedade de situações da vida, incluindo as dificuldades no estudo, problemas com relacionamentos, stress pessoal e relacionado com o trabalho.

Aqueles que visitam o novo Centro de Melhoramento da Vida de Scientology fazem visitas autoguiadas pelas exibições em multimédia ilustrando as crenças e práticas de Scientology, a vida e o legado do Fundador, L. Ron Hubbard, e os programas globais de melhoramento social e humanitário da Igreja.

Da mesma forma a abordar os presentes esteve a Sra. Phumzile Zuma, filha do Presidente sul–africano, Jacob Zuma. “Imaginem um mundo onde todos sabem exactamente o que está errado e o que está certo. “Imaginem um mundo onde poderiam alcançar as vossas metas e propósitos, enquanto estão em paz convosco e aqueles à vossa volta. Bem, companheiros sul–africanos e estudantes, eu dei–me conta que poderemos alcançar isso com as metas que este novo Centro de Melhoramento da Vida está a trazer à vizinhança.”

Membro do Parlamento Setlamorago Thobejane O Secretário–Geral do Congresso dos Líderes Tradicionais e Presidente do Instituto do Banco Africano, também subiu ao palco. “O Fundador de Dianética e Scientology, L. Ron Hubbard, foi um verdadeiro líder entre os homens”, disse o Sr. Thobejane. “Aprendi que Dianética foi o seu primeiro passo num caminho para a liberdade espiritual completa e que ele trouxe–nos a todos as ferramentas que precisávamos para melhorar as nossas vidas, não importa o que nos esteja a parar, isto permanecerá a nossa ferramenta. Mais notavelmente para um homem cuja palavra provou ser verdade, ele profetizou que a próxima grande civilização neste planeta apareceria, claro, da parte Sul da África.”

A cerimónia concluiu com o tradicional corte da fita, a simbolizar a abertura oficial do Centro. Centenas de pessoas entraram para fazer um tour pelo Centro de Informação Pública, ao visualizar os filmes e apresentações multimédia que descrevem as crenças e práticas de Scientology, a vida e realizações de L. Ron Hubbard, e os programas de melhoramento social e alcance comunitário da Igreja, tanto em África como em todo o mundo.