O Código de um Scientologist

O CÓDIGO DE UM SCIENTOLOGIST

O Código de um Scientologist foi publicado pela primeira vez em 1954. Neste código, L. Ron Hubbard proporciona a um Scientologist as orientações para lutar pelos direitos humanos e justiça através de uma reforma social. É um código vital para qualquer Scientologist ativo na comunidade. O código foi revisado em 1969 e novamente em 1973 e é dado aqui na sua versão final.

Como Scientologist, comprometo-me a cumprir o Código de Scientology para o bem de todos.

1. Manter os Scientologists, o público e a imprensa informados, de um modo exato, sobre Scientology, o mundo da saúde mental e a sociedade.

2. Usar todo o meu conhecimento de Scientology com o máximo da minha capacidade para auxiliar a minha família, amigos, grupos e o mundo.

3. Recusar aceitar para processamento e recusar aceitar dinheiro de qualquer preclear ou grupo que eu sinta que não possa honestamente ajudar.

4. Condenar e fazer tudo o que puder para abolir todo e qualquer abuso contra a vida e a Humanidade.

5. Expor e ajudar a abolir todas e quaisquer práticas que causem danos físicos no campo da saúde mental.

6. Ajudar a limpar e a manter limpo o campo da saúde mental.

7. Criar uma atmosfera de segurança no campo da saúde mental, erradicando os seus abusos e brutalidades.

8. Apoiar os verdadeiros esforços humanitários no campo dos direitos humanos.

9. Adoptar a política de justiça igual para todos.

10. Trabalhar para a liberdade de expressão no mundo.

11. Condenar ativamente a supressão do conhecimento, sabedoria, filosofia ou dados que ajudariam a Humanidade.

12. Apoiar a liberdade de religião.

13. Auxiliar as organizações e os grupos de Scientology a aliarem-se com grupos públicos.

14. Ensinar Scientology a um nível que possa ser entendido e usado pelos recebedores.

15. Dar ênfase à liberdade de usar Scientology como uma filosofia em todas as suas aplicações e variações nas humanidades.

16. Insistir em Scientology standard e sem variações como uma atividade aplicada na ética, no processamento e na administração em organizações de Scientology.

17. Tomar a minha quota-parte de responsabilidade pelo impacto de Scientology no mundo.

18. Aumentar os números e a força de Scientology por todo o mundo.

19. Dar um exemplo da eficácia e sabedoria de Scientology.

20. Tornar este mundo um lugar mais são e melhor.